FACOM e PosCom promovem “Semana Mahomed Bamba de Comunicação”

O evento tem o intuito de prestar homenagem ao professor que completa um ano de falecimento. A programação se estende de 29 de novembro a 02 de dezembro.             

Por Kelven Figueiredo

Começa amanhã (29/11) , às 15h, no auditório da Faculdade de Comunicação a Semana Mahomed Bamba de Comunicação. O evento é uma ação conjunta do Programa de Pós‐Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas (Póscom) e da Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (Facom/UFBA) e tem o intuito de homenagear o professor Mahomed Bamba, em função do primeiro ano de seu falecimento. As atividades acontecem no auditório da Facom, e a programação inclui mostra de filmes, conferências e mesas  redondas.

Programação

No primeiro dia de homenagens (29/11) haverá a mesa‐redonda com o tema “Um ser em errância: memórias de Mahomed Bamba”. A mesa contará com a participação de colegas de profissão, ex‐orientandos e amigos que irão compartilhar com o público memórias e histórias que guardam do homenageado, através de suas falas e depoimentos. Após o bate‐papo, será exibido o filme O bandido da luz vermelha (Rogério Sganzerla, 1968), um dos objetos da tese de Bamba publicada no livro “O legível e o visível no cinema: o signo escrito na construção e leituras ϔílmicas” (Appris, 2014).

A programação continua na quarta-feira (30/11) com uma mesa dedicada aos estudos africanos- campo em que Bamba  contribuiu com suas análises fílmicas. A partir do tema “Estudos africanos: olhares contemporâneo”, os pesquisadores Artemisa Odila Candé (UNILAB), Detoubab Ndiaye (UNEB), Jusciele Oliveira (Universidade do Algarve/ Portugal) e Kabengele Munanga (USP) irão compartilhar com o público suas pesquisas no universo de estudos sobre a África. O dia de homenagens se encerra com a transmissão do filme nigeriano “Fifty” , de Biyi Bandele (Nigéria, 2015), seguido de comentários de Morgana Gama e Ana Camila, pesquisadoras do PósCom/Ufba, sobre a atual produção  cinematográfica  nos  países  africanos  com  foco  no  cinema  Nigeriano.

Nos dias 1 e 2/12, a programação se voltará para os estudos de cinema – área de estudo em que o professor concentrava suas pesquisas. O Laboratório de Análise Fílmica (LAF), grupo de pesquisa do qual Bamba fazia parte, realizará o I Seminário do Laboratório de Análise Fílmica com o intuito de mostrar ao público as produções mais recentes do PósCom no que se refere à pesquisa em cinema. O primeiro dia do Seminário (01/12) contará com a presença de Lauro Zavala (Universidad Autónoma Metropolitana do México ‐ UAM), pesquisador com destaque no ensino e pesquisa em análise fílmica e atual coordenador da área de Análise Cinematográfica no Doutorado em Humanidades da UAM.

O encerramento das homenagens será realizada no espaço Tropos Coworking (Rio Vermelho), a partir das 20h30, com show da cantora Neila Kadhí, acompanhada da Banda QualiZá. Serão realizadas ainda exibições de videoclipes que compõem uma playlist das canções preferidas de Mahomed Bamba, com curadoria de Sirley  Souza  e  Ana  Camila.

A programação completa do evento pode ser conferida aqui.

Sobre o Professor

Descendente de franceses, Mahomed Bamba nasceu na Costa do Marfim, onde se graduou em Letras na Université Nationale d´Abidjan, em 1992. Quando se mudou para o Brasil, ingressou na Universidade de São Paulo (USP), onde fez mestrado em Linguística Geral e Semiótica e depois doutorado em Cinema e Estética do Audiovisual. Professor da Facom/UFBA, desde 2009, Bamba também era membro do Programa de Pós‐graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas (PósCom) e ministrava disciplinas na área de cinema. Com uma trajetória brilhante e de valiosa contribuição na pesquisa em audiovisual, sobretudo em relação aos cinemas africanos e estudos de recepção, o professor faleceu na madrugada  do  dia  16  de  novembro  de  2015,  aos  48  anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *